Nos 10 anos da Festa Literária Internacional de Paraty (Flip), o Movimento por um Brasil literário participa em dois momentos. Na quinta-feira, 5 de julho, das 14h às 16h, na Casa da Cultura de Paraty, propõe uma discussão sobre a biblioteca da escola como espaço dinâmico de reflexões e de apropriação do conhecimento, ressaltando a importância da qualidade do acervo e do professor leitor na formação de leitores. São convidados para essa mesa, a bibliotecária colombiana Silvia Castrillón, que há mais de 20 anos promove em seu país um amplo debate sobre a importância da sociedade civil em torno do direito à leitura e à escrita; e a premiada escritora, pesquisadora e professora Nilma Lacerda, mestre em Literatura Brasileira pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Para mediar a conversa, convidamos o jornalista e escritor Márcio Vassallo. Esse debate é uma parceria entre o MBL e a Associação Casa Azul, com apoio do Instituto C&A.

Na mesma quinta-feira, o Movimento por um Brasil literário homenageia um de seus idealizadores, o poeta Bartolomeu Campos de Queirós, falecido no início deste ano. Sempre comprometido com a formação de leitores, envolvido na construção de políticas públicas de leitura e militante da beleza e da simplicidade, ele nos deixa como legado as suas palavras e a luta incessante pelo direito à literatura. Para conversar sobre o Bartolomeu, convidamos Elizabeth Serra, secretária-geral da Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil (FNLIJ), e Nilma Lacerda, premiada escritora, professora e pesquisadora. O encontro será mediado pela professora e escritora Ninfa Parreiras, que está trabalhando na biografia de Bartolomeu. Na ocasião, celebraremos sua vida e sua obra. Em breve mais detalhes sobre participantes, horário e local.

A Flip 2012

Décima Flip celebra Carlos Drummond de Andrade

A Festa Literária Internacional de Paraty, a Flip, anuncia programação especial, com um total de 40 escritores vindos de 14 países, reunidos de 4 a 8 de julho para celebrar os 10 anos do evento. Carlos Drummond de Andrade, escritor, poeta e cronista brasileiro, será o homenageado da edição, com leituras, memórias e análises nas mesas Drummond 110, que recebe Antonio Cicero e Silviano Santiago; Drummond – o poeta moderno, com Antonio C. Secchin e Alcides Villaça e mediação de Flávio Moura; e Drummond – o poeta presente, com Eucanaã Ferraz e Carlito Azevedo. As homenagens se estendem na Conferência de abertura e com Luis Fernando Veríssimo, na mesa Flip, ano 10.

Lista de autores da décima Flip:
Adonis, Alcides Villaça, Alejandro Zambra, Altair Martins, Amin Maalouf, André de Leones, Antonio Carlos Secchin, Antonio Cicero, Armando Freitas Filho, Carlito Azevedo, Carlos de Brito e Mello, Dany Laferrière, Dulce Maria Cardoso, Enrique Vila-Matas, Eucanaã Ferraz, Fabrício Carpinejar, Fernando Gabeira, Francisco Dantas, Gary Shteyngart, Hanif Kureishi, Ian McEwan, J.M.G. Le Clézio, Jackie Kay, James Shapiro, Javier Cercas, Jennifer Egan, João Anzanello Carrascoza, Jonathan Franzen, Juan Gabriel Vásquez, Luis Fernando Verissimo, Luiz Eduardo Soares, Paloma Vidal, Richard Sennett, Roberto DaMatta, Rubens Figueiredo, Silviano Santiago, Stephen Greenblatt, Teju Cole, Zoé Valdés, Zuenir Ventura.

Já está disponível no site a programação completa das mesas literárias e horários, além de informações sobre compra de ingressos: http://flip.org.br 

10ª Festa Literária Internacional de Paraty
de 4 a 8 de julho
http://flip.org.br

Deixar comentário