O Movimento por um Brasil literário deseja a todos que o Natal traga belas transformações e renascimentos e que 2011 seja um ano de mais literatura para todos os brasileiros!

Obrigado por compartilhar conosco essa luta.

Visite a nossa galeria de fotos

Comentários
Em 01/01/2011, CRISTIANO REIS escreveu:

Rasguemos nossas máscaras, assumamos quem realmente somos, deixemos nossos sonhos eclodirem como uma nova vida que nasce em nossas próprias vidas. Que possamos viver com intensidade a parcela de eternidade que nos cabe. Nada de “novas-velhas” promessas, deixemos a hipocrisia de lado.
É ano novo, um novo ciclo se inicia, esperanças renovadas. O novo representa o mistério da vida, e se mistério, impossível de ser desvendado, o que se faz possível é apenas sentir o mistério, saboreá-lo, pois viver é sentir – uma lição que aprendi a duras penas com Caeiro, mas que depois de aprendida norteou a minha vida.
Faço então um convite: sintamos o novo ano que nasce com tudo o que ele tem para nos oferecer: alegrias, tristeza, derrotas e vitórias, cumpramos nosso papel de atores nesse grande espetáculo da eternidade, pois, na verdade somos eternos. O que marca assim nossa existência não é simplesmente a “caixa de carne” que nos aprisiona, mas antes de tudo as marcas que deixamos na história com nossos sentimentos, nossas palavras e nossas ações, o que nunca será apagado… desse modo, repito, somos eternos.

FELIZ 2011, com sabor de eternidade…

Prof. Cristiano Lima de Araujo Reis
Mestre em Literatura e Crítica Literária pela PUC-SP
[email protected]

Em 29/12/2010, debora lira mende cortes escreveu:
O BRASIL só irá crescer quando for um país de leitores.
Que não lê, não pensa e não vê.

Deixar comentário