Em dezembro, o Movimento por um Brasil Literário enviou o documentário “A Palavra Conta” para todas as secretarias municipais de educação – mais de 5 mil -, secretarias estaduais de educação e de cultura, além dos Ministérios da Educação e da Cultura. O vídeo mostra um Brasil leitor, apesar das dificuldades de acesso ao livro.

Além do documentário, as secretarias e ministérios receberam uma carta do escritor mineiro Bartolomeu Campos de Queirós, ilustrada pelo premiado autor de livros infantis Roger Mello, acompanhada do Manifesto por um Brasil Literário, que defende o direito à leitura literária. O envio do filme tem como objetivo alcançar as escolas e dar apoio à formação de professores. O envio dos materiais conta com a colaboração da União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime).

Dirigido pelo cineasta Duto Sperry, A Palavra Conta estreou em 2010, na Flip, e contou com o apoio do Instituto C&A. O filme aborda a relação de brasileiros de diversos pontos do país com os livros e a influência que a literatura tem na vida da população.

Movimento por um Brasil literário

O Movimento por um Brasil Literário completou dois anos de atuação na última edição da Festa Literária Internacional de Paraty (RJ), em julho deste ano, e foi fundado pelo Instituto C&A, em parceria com a Associação Casa Azul, a Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil (FNLIJ), o Instituto Ecofuturo, Centro de Cultura Luiz Freire (CCLF). Atualmente, conta ainda com a colaboração da Associação dos Escritores e Ilustradores de Literatura Infantil e Juvenil (AELIJ) e Canal Futura. O Movimento teve início com o lançamento do Manifesto por um Brasil literário, de autoria do escritor mineiro Bartolomeu Campos de Queirós. Desde o seu lançamento, mais de 7 mil pessoas já aderiram ao manifesto.

Na edição da FLIP 2011, o Movimento por um Brasil Literário promoveu a Campanha por um Brasil Literário, onde foram veiculadas vinhetas com trechos do documentário “A Palavra Conta” na abertura de todas as mesas de debate da Flip e da Flipzona (programação jovem). Com depoimentos reais de brasileiros de todas as regiões do país, o documentário conta a relação com os livros e a leitura literária. O filme, dirigido por Duto Sperry, com o apoio do Instituto C&A foi lançado em 2010 e já foi apresentado em diversos eventos literários, como o Salão do Livro Infantil e Juvenil, Feira Literária de Roraima (RR), Felica – Festival Literário de Cataguases (MG), Feira de São Bernardo (SP) e Fliporto, em Olinda. Também foi veiculado no Canal Futura, por ocasião do Dia Nacional da Leitura, comemorado em  12 de outubro.

Assista ao documentário!

Deixar comentário