Pela terceira vez, o Movimento por um Brasil literário participa da Festa Literária Internacional de Paraty. Este ano, a novidade é a Campanha por um Brasil literário, que será exibida antes de cada mesa de autores e também na FlipZona.

Produzida durante o ano passado pela Java 2G, a campanha apresenta vinhetas com depoimentos e imagens de pessoas das diferentes regiões do Brasil, mostrando um país que lê, se transforma e se emociona com a literatura, mas que também precisa percorrer um longo caminho para garantir o direito de acesso aos textos literários. Essas imagens fazem parte do  documentário “A Palavra Conta”, lançado na Flip 2010.

E todos podem participar! Envie seu depoimento, em vídeo ou texto, contando a importância do livro literário para você!

Debate na Casa da Cultura

Além da Campanha, uma roda de conversa discutirá a importância da leitura literária, com autores e professores na Casa da Cultura, no dia 7 de julho, às 11h45. O escritor e um dos idealizadores do Movimento por um Brasil literário, Bartolomeu Campos de Queirós, a escritora e membro da Academia Brasileira de Letras, Ana Maria Machado e a professora Flora Salles França Pinto participam desta conversa, com mediação do jornalista e escritor Márcio Vassallo.

Para quem quiser conhecer mais sobre o Movimento e se juntar às mais de 6 mil pessoas que já aderiram, computadores conectados à internet estarão disponíveis na Flipinha. Para quem já conhece e faz parte é mais uma chance de compartilhar e espalhar essa ideia, formando uma grande rede por um Brasil literário.

O Movimento na Flip

A Flip é parceira do Movimento por um Brasil literário desde a sua criação, em 2009. Foi em Paraty, na Flip 2009, que o Manifesto por um Brasil literário foi lançado. Em 2010, o lançamento do documentário “A Palavra Conta” e a Casa Brasil Literário foram duas importantes ações que ajudaram a fortalecer e a dar visibilidade ao Movimento.

Para conhecer a programação da Flip deste ano,acesse o site da festa Llterária.

Foto: Carol Quintanilha Flip 2011

Deixar comentário